ptenes
facebook circular logo Youtube PSI-PUC-RIO Youtube PSI-PUC-RIO

Mestrado

Disciplinas Optativas

Clique nas disciplinas para mais informações


Grupo de Métodos

Métodos quantitativos

Métodos quantitativos


Código: 2308

Critério de avaliação: 12

Objetivos: Apresentar os fundamentos da ciência moderna e as etapas de uma pesquisa científica quantitativa, desde o delineamento até apresentação dos resultados.

Ementa: Princípios da ciência. Método da pesquisa científica. Características, classificação, etapas de uma pesquisa. Fenômenos psicológicos: construtos e variáveis. Problemas de pesquisa, objetivos, hipóteses. Tipos de delineamentos. Estatística descritiva e inferencial. Psicometria: validade, fidedignidade. Análise de dados: teste t, ANOVA, correlação, regressão.

Bibliografia Principal: 

DANCEY, C.P.; REIDY, J. Estatística sem matemática para a psicologia. 7ª ed. Porto Alegre: Artmed, 2018. 

KERLINGER, F.N.; LEE, H.B. Foundations of behavioral research. Boston: Wadsworth, 2000.

SAMPIERI, R.H.; COLLADO, C.F.; LUCIO, M.P.B. Metodologia de pesquisa. 5ª ed. Porto Alegre: Penso, 2013.

Bibliografia Complementar:

FIELD, A.; MILES, J.; FIELD, Z. Discovering statistics using R. Thousand Oaks: Sage Publications, 2012.

PASQUALI, L. Instrumentação psicológica: fundamentos e práticas. Porto Alegre: Artmed, 2010.

POPPER, K.F. A lógica da pesquisa científica. São Paulo: Cultrix, 2003.

Métodos conceitual e qualitativos

Métodos conceitual e qualitativos

Código: 2309

Critério de avaliação: 12

Objetivo: Caracterizar e apresentar diferentes delineamentos de pesquisa conceitual, qualitativa e de estudo de caso clínico em psicologia. Fornecer subsídios para o uso de métodos conceituais, qualitativos e de caso clínico em pesquisa. Discutir questões éticas de pesquisa em psicologia.

Ementa: Caracterização e delineamento de pesquisa conceitual, qualitativa e de estudo de caso clínico. Pesquisa teórica. Estudo de caso clínico. Análise de conteúdo. Análise de discurso. Estudo de casos. Estudo de caso único. Pesquisa documental. Pesquisa-intervenção. Questões éticas em pesquisa.  

Bibliografia Principal

FULGÊNCIO, L. et al. (org.). Modalidades de pesquisa em psicanálise: métodos e objetivos. São Paulo: Zagodoni, 2018.

POUPART, J. et al. A pesquisa qualitativa: enfoques epistemológicos e metodológicos. Petrópolis: Vozes, 2014.

YIN, R.K. Pesquisa qualitativa do início ao fim. Porto Alegre: Penso, 2017.

Bibliografia Complementar

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2016.

BAUER, M.; GASKELL, G. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2015.

BIRMAN, J. Ensaios de teoria psicanalítica. Rio de Janeiro: Zahar, 1993.


Grupo de Abordagens Teóricas

Abordagens teóricas em psicanálise

Abordagens teóricas em psicanálise

Código: 2310

Critério de avaliação: 12

Objetivos: Abordar os principais conceitos que fundamentam a teoria e a prática psicanalíticas desde Freud até atualidade.

Ementa: Apresentação e discussão das tópicas freudianas: inconsciente/pré-consciente/consciente; ego/Id/superego. Levantamento e problematização das principais questões metapsicológicas. Os dualismos pulsionais; Discussão de temas ligados à técnica psicanalítica e suas diferentes abordagens clínicas: transferência/contratransferência e regressão; repetição e resistência; fantasia e relações de objeto. Dimensões intrapsíquica e intersubjetiva da teoria e da clínica.

Bibliografia Principal: 

FREUD, S. Artigos sobre metapsicologia. Edição standard das obras completas. Rio de Janeiro: Imago, 1969.

FREUD, S. Artigos sobre técnica. Edição standard das obras completas. Rio de Janeiro: Imago, 1969.

FREUD, S. O ego e o id. Edição standard das obras completas. Rio de Janeiro: Imago, 1969.

Bibliografia Complementar:

FERENCZI, S. Transferência e introjeção. Obras completas I. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

KLEIN, M. Contribuições à Psicanálise. São Paulo: Mestre Jou, 1981.

LACAN, J. O Seminário XI. Os quatro conceitos fundamentais da Psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar, 1979.

Abordagens teóricas em psicologia social

Abordagens teóricas em psicologia social

Código: 2320

Critério de avaliação: 12

Objetivos: Apresentar a história do desenvolvimento da área da psicologia social, suas vertentes, métodos de pesquisa e aplicações.

Ementa: Delimitação da psicologia social enquanto área de estudo. Origens e história da psicologia social. A crise da psicologia social da década de 1970 e as vertentes de psicologia que surgiram. Métodos de pesquisa em psicologia social. Aplicações práticas da psicologia social.

Bibliografia Principal: 

CAMINO, L. et al (org.). Psicologia social: temas e teorias. Brasília: Technopolotik, 2014.

CAMPOS, R. H. F.; GUARESCHI, P. (org.). Paradigmas em psicologia social: a perspectiva latinamericana. Petrópolis: Vozes, 2000.

FARR, R. Raízes da psicologia social moderna. Petrópolis: Vozes, 2001.

Bibliografia Complementar:

RODRIGUES, A.; ASSMAR, E.; JABLONSKI, B. Psicologia social. Petrópolis: Vozes, 2013.

TORRES, C.V.; NEIVA, E.R. (org.). Psicologia social: principais temas e vertentes. Porto Alegre: Artmed, 2011.

VALA, J.; MONTEIRO, M. Psicologia social. Lisboa: Fundação Calouste Gulbekian, 2013.

Abordagens teóricas em família, casal e criança

Abordagens teóricas em família, casal e criança

Código: 2330

Critério de avaliação: 12

Objetivos: Apresentar os fundamentos teóricos da psicodinâmica familiar e conjugal. Discutir as principais abordagens sistêmicas e psicanalíticas na clínica de família e casal. Analisar as possibilidades de articulação teórico-clínica nas intervenções com famílias, casais e crianças. Estudar a importância da intersubjetividade no início da vida.

Ementa: Fundamentos da psicodinâmica familiar e conjugal. Abordagens sistêmicas e psicanalíticas em psicoterapia de família e casal. Articulação das diferentes abordagens teórico-clínicas no campo das intervenções com famílias, casais e crianças. Promoção de saúde emocional na família e no casal. Intersubjetividade e constituição psíquica. Clínica dos primórdios. A infância e o infantil em psicanálise.

Bibliografia Principal:

BRUN, A.; ROUSSION, R.; ATTIGUI, P. Évaluation clinique des psychothérapie psychanalytique: dispositifs individuels groupaux et institutionnels. Paris: Dunod, 2016.

FLASKAS, C.; POCOCK, D. (org.). Systems and psychoanalisis: contemporary integrations in family therapy. London: Karnac Books, 2009.

NICHOLS, M.P.; SCHWARTZ, R.C. Terapia familiar: conceitos e métodos. Porto Alegre: Artmed, 2007.

Bibliografia Complementar:

DICKS, H.V. Marital Tensions: clinical studies toward a psychological theory of interaction. London: Routledge, 2015.

FÉRES-CARNEIRO, T. (org.). Família e casal: filiação, intergeracionalidade e violência. Rio de Janeiro: Prospectiva/EDPUC-Rio, 2019.

ZORNIG, S.A. A criança e o infantil em psicanálise. São Paulo: Escuta, 2000.

Abordagens teóricas em clínica e neurociências

Abordagens teóricas em clínica e neurociências

Código: 2340

Critério de avaliação: 12

Objetivos: Articular saberes desenvolvidos por diferentes abordagens da psicologia clínica e as várias áreas da neurociência

Ementa: Discutir áreas específicas do conhecimento relacionados com aspectos clínicos do adoecimento neurológico, a neuropsicologia do desenvolvimento, bem como os circuitos neurais subjacentes a processos emocionais e cognitivos.

Bibliografia Principal: 

ANDRADE, M.V.; SANTOS, F.H.; BUENO, O.F.A. (org.). Neuropsicologia hoje. Porto Alegre: Artmed, 2004.

PURVES, D. et al. Neurociências. Porto Alegre: Artmed, 2010.

SACKS, O. O homem que confundiu a sua mulher com um chapéu. Rio de Janeiro: Cia das Letras, 2013.

Bibliografia Complementar:

DAMÁSIO, A.R. O erro de Descartes. Rio de Janeiro: Cia das Letras, 1998.

EAGLEMAN, D. Cérebro: uma biografia. São Paulo: Rocco, 2017.

KANDEL, E.R.; SCHWARTZ, J.H.; JESSELL, T.M. Princípios da neurociência. São Paulo: Manole, 2003.

Abordagens teóricas em saúde e desenvolvimento humano

Abordagens teóricas em saúde e desenvolvimento humano

Código: 2350

Critério de avaliação: 12

Objetivos: Apresentar aos alunos as principais abordagens teóricas para a compreensão do desenvolvimento humano e dos processos de saúde-doença ao longo do ciclo vital.

Proporcionar uma compreensão biopsicossocial do desenvolvimento humano e suas implicações nas práticas de cuidado ao longo do ciclo vital.

Ementa: Teorias do desenvolvimento humano; características biológicas e psicossociais do desenvolvimento humano; psicopatologia ao longo do ciclo vital; avaliação psicológica aplicada às diferentes etapas do ciclo vital.

Bibliografia Principal: 

BRONFENBRENNER, U. Bioecologia do desenvolvimento humano: tornando os seres humanos mais humanos. Porto Alegre: Artmed, 2011.

LURIA, A.R. Desenvolvimento cognitivo: seus fundamentos culturais e sociais. São Paulo: Icone, 2013. 

VYGOTSKI, L.S.A. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

Bibliografia Complementar:

BORSA, J.C.; BANDEIRA, D.R. (org.). Comportamento agressivo na infância: da teoria à prática. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2014.

DE SALLES, J.; MALLOY-DINIZ, L.F; HAASE, V.G. (org.). Neuropsicologia do desenvolvimento: infância e adolescência. Porto Alegre: Artmed, 2016.

KELLER, H.; POORTINGA, Y.H.; SCHÖLMERICH, A. (org.). Between culture and biology: perspectives on ontogenetic development. Cambridge: Cambridge University Press, 2002.

 

Créditos Mestrado

Total de créditos a cumprir:
24 créditos (08 disciplinas de três créditos)

Créditos em obrigatórias:
06 créditos (02 disciplinas de três créditos)

Créditos em optativas:
03 créditos do grupo Métodos (01 disciplina de três créditos) + 03 créditos do grupo Abordagens teóricas (01 disciplina de três créditos)

Créditos em eletivas:
12 créditos (04 disciplinas de três créditos)

Programa de Pós-Graduação em Psicologia da PUC-Rio

logo pucRua Marquês de São Vicente 225
Edifício Cardeal Leme, 2º Andar - Sala 201
Gávea, Rio de Janeiro, RJ
CEP: 22451-900

Telefone: 55 21 3527-1185
Fax: 55 21 3527-1187

 

Mapa do Campus

mapa img

Busca